signos

Como você planeja sua vida?

Sabe aquela história de que nenhum avião sai do solo sem um plano de voo? Pois eu te pergunto: como você planeja sua vida? Como sabe onde quer chegar?

Como você planeja sua vida? Tudo muda o tempo todo no mundo, como diz a letra da música, e é sempre bom deixar uns espaços abertos para os imprevistos, que muitas vezes são preciosos e nos trazem aprendizados incríveis. Mas viver sem saber ao certo onde quer chegar pode ser um desperdício de energia e mais: pode evitar que você use seus maiores potenciais! Se você sabe onde quer chegar, consegue estabelecer metas, projetos, e saber, aos poucos, que está construindo algo. Dependendo da sua personalidade, expressada pelo seu Mapa Astral, esse planejamento pode ser muito necessário e ajuda a aumentar a confiança. Algumas combinações de signos precisam de metas, prazos, precisam entender que estão sendo produtivos, e não digo apenas no trabalho, mas na vida mesmo. É isso que vai trazer felicidade.

Mas, como saber? O primeiro passo é se descobrir, entender o que, para você, realmente faz diferença. Fazer a leitura do seu Mapa Astral vai ajudar nessa jornada e mostrar que tipo de metas podem ser estabelecidas. Alguns signos, como Peixes e Gêmeos, por exemplo, podem ficar ansiosos demais com metas e objetivos muito restritos. Já Capricórnio e Virgem precisam de tudo detalhado e metrificado. Isso é só para exemplificar, porque tudo vai depender de que área da sua vida esses signos atuam e de que forma eles influenciam nos seus planos, no trabalho, no sucesso, no planejamento de metas pessoais.

O segundo passo é entender o que você deseja? Qual a sua visão de futuro, como se vê daqui a 5, 10 anos? Está satisfeito com sua carreira, quer mudar de país, de emprego, de casa, ou quer permanecer como está, mas levar uma vida com mais propósito, talvez imprimindo mais personalidade no que faz? Talvez busque estabilidade de confiança? Pois é: saber aquilo que desejamos muda a nossa vibração, nos faz “conversar” mais abertamente com o universo, mandar os sinais certos que vão atrair exatamente o que desejamos.

Sem planejar, como saber onde chegar?

Eu converso e atendo muitas pessoas que se sentem um pouco perdidas, sem saber exatamente o que desejam da vida. Essa indecisão impede que os potenciais certos sejam acessados. Mas, então, como saber? Pare um minuto para refletir, permita-se pensar fora da caixa, sem cobranças, sem julgamentos e especialmente sem medo.

Se você pudesse escolher algo, qualquer coisa, o que você faria?

O que diz a sua criança interior?

O que te traz alegria, entusiasmo?

Essa pode ser a chave para começar a descobrir seus talentos adormecidos e empreender uma jornada na direção certa. Se você não planejar, os caminhos podem te levar a qualquer lugar. Mas será que é lá que você quer estar? No desconhecido?

Começando por essa ação simples de (re)pensar a própria vida, entender o verdadeiro eu, aceitar as potencialidades e dificuldades, já que todos temos ambos, é possível ter essa visão de futuro um pouco mais clara. E aí, quando você entender aonde quer chegar, a próxima etapa é planejar, estabelecer metas, avisar o universo que você tem consciência da sua jornada e que deseja ser o dono das suas escolhas. Só você pode fazer isso!

Fonte da imagem: Pixabay


Marte - A força de ação

Seu impulso, seu desejo de ir em frente, começar algo, estão determinados pela posição de Marte no seu Mapa Astral. Quer saber como iniciar um projeto? Busque Marte e ele te dirá!


O Planeta Marte, regente do signo de Áries, é a própria imagem do dinamismo. Marte, em nosso Mapa Astral, mostra onde está nossa força de ação. De que forma conseguimos iniciar algo, como nos sentimos mais impulsionados, motivados, onde a gente simplesmente vai! Quando falamos em Marte, também estamos falando sobre o aspecto masculino em nossas vidas. Para os homens, é como se movem e se comprometem com seus objetivos. Para as mulheres, é a ação profissional e o que procuram como complemento no outro.
Este planeta também é considerado para expressar como agimos sexualmente e por isso, deve ser considerado em relação a sua posição com o Sol e a Lua, afinal, Marte é um "mix" de pensamento (sol) e sentimento (lua) que movem nossa ação e reação no mundo. Sem a clareza donde queremos chegar (sol) não temos direção nem motivação.


O certo é que Marte é sempre movimento, ação, é ele quem mostra como vamos realmente atrás do que desejamos. E quando Marte (Eu Ajo) está trabalhando em sintonia com o Sol e a Lua (Eu Sou, Eu sinto) se prepara, porque ninguém te segura!


Quer saber que energia Marte gera em cada signo?

Marte em Áries
Quem tem Marte posicionado em Áries se sente em casa com a ação. O impulso é tão forte que pode ser confundido com agressividade. E quem não precisa ser um pouco agressivo de vez em quando?

Marte em Touro
Meu nome é trabalho. A ação, para Touro, tem que ter um resultado concreto, palpável. Pode demorar a fazer, mas vai fazer bem feito e terminar!

Marte em Gêmeos
Ação, para esse Marte, é espontânea e ágil. Indica uma ação natural para se comunicar e se expressar em diversas formas. Naturalmente motivado pela curiosidade.

Marte em Câncer
Nada para Câncer pode ser desprovido de emoção. A ação é perfeita ao cuidar dos outros, promover bem estar, unir razão e sensibilidade. Uma mudança de humor, muda todo o cenário (e a motivação para agir).

Marte em Leão
Tudo que Leão faz tem que ter a sua marca imponente. Quem tem Marte em Leão sabe o que tem que fazer, se move com paixão e muita força de vontade.

Marte em Virgem
Tem Marte em Virgem? Pode contar que essa pessoa vai agir de forma a seguir padrões e super organizada. Demora para agir porque calcula muito bem e gosta de perfeccionismo em tudo que faz. Sistemático e correto em suas ações.

Marte em Libra
Para Marte em Libra, se é bom para todos, a ação está valendo. Esse Marte gosta de fazer coisas belas e evitar confrontos. Então, o equilíbrio também está na forma de agir de Libra.

Marte em Escorpião
Nada para Escorpião é raso. Então, certamente a ação será dramática, intensa, e dificilmente passará despercebida. É resolutivo e se move controlando cada passo, sabendo muito bem aonde está pisando.

Marte em Sagitário
Gastar energia é super Sagitariano, então imagine essa combinação! Aqui, Marte é puro movimento, sempre em alto astral. Se move para melhorar o ambiente e expandir sua ideologia/filosofia.

Marte em Capricórnio
A disciplina de Capricórnio influencia na ação. É preciso que haja metas a cumprir, um lugar para chegar e, aí sim, a ação é certa. Tem um modo de agir responsável, prudente e que visa resultados concretos.

Marte em Aquário
Aqui, impulso está intimamente conectado à inovação. Aquário é fora do lugar comum e não poderia ser diferente na forma de agir. Facilidade grande de ter atitudes inusitadas e fora do padrão. Pode ter dificuldade com figuras autoridade. Se move com autonomia.

Marte em Peixes
Peixes é pura intuição, inclusive e especialmente na hora de agir. Esse Marte tem a sensibilidade aflorada e precisa de propósito para sair do lugar. Tem uma tendência ao escapismo ou comportamentos autodestrutivos.

Fonte da imagem: Pixabay


Urano - A face revolucionária

Se cada planeta revela traços da nossa personalidade, Urano é a nossa face revolucionária. Planeta que fala sobre as mudanças e não avisa a que hora vai chegar. Quer saber em que lugar da sua vida você não tem medo de ousar? Encontre Urano no seu mapa!

Eu costumo brincar que Urano é como aquele seu tio louco, que chega divertindo todo mundo, chamando atenção e é sempre imprevisível. Onde Urano está, há movimento! Por isso, onde o planeta está em nosso mapa astral, dizemos que é a nossa face revolucionária, onde não temos medo de ousar. Quem tem Urano forte no mapa natal certamente não tem um só jeito de agir e quer sempre estar à frente do seu tempo. Não é à toa que Urano é o regente do signo de Aquário, conectado com as tecnologias, com as revoluções e com o social.

Urano também é considerado o planeta dos insights e do pensamento à frente de seu tempo. É ele que nos dá a capacidade de transpor barreiras e de ir além. Com ele, conseguimos nos desvencilhar de ideias enraizadas demais, cristalizadas e que já não nos servem, e inovar! Outra característica forte de Urano quando em equilíbrio é a conexão com o que é coletivo: com ele, temos essa capacidade de nos conectar também com o que é melhor no âmbito social, na evolução de todos. É o planeta irreverente que nos permite criar novas oportunidades, encontrar ideias diferentes, apostar no novo e, assim, crescer.

Quer saber como Urano cria mudanças na sua vida?

Urano na Casa 1 - Urano na casa do ascendente é pura inquietação! Quem nasce com essa posição, normalmente tem muita excentricidade e é um "rebelde" natural. Tem um dom especial para inovação e gosta das coisas à sua maneira.

Urano na Casa 2 - A impulsividade de Urano na casa do dinheiro indica uma forte tendência a correr riscos em matéria de dinheiro e criar mudanças na sua vida de acordo com os bens que possui.

Urano na Casa 3 - A posição indica uma mente inquieta e inovadora, mas que muitas vezes é pouco prática. Confiam na ciência e naquilo que podem comprovar, embora tenham muitos insights.

Urano na Casa 4 - Urano na casa do lar indica uma residência e uma família com hábitos pouco convencionais, muita mudanças inesperadas, construções incomuns e um lar que “adota” os amigos mais íntimos.

Urano na Casa 5 - Uma vida social excêntrica e uma criatividade fora do comum são a marca dessa posição de Urano.

Urano na Casa 6 - Urano na sexta casa provoca uma dificuldade para estabelecer rotina. O desejo, aqui, é por um dia a dia de trabalho incomum e inovador.

Urano na Casa 7 - Relações conjugais ou mesmo de sociedade incomuns, com um desejo sempre forte de liberdade e mudanças constantes, marcam essa posição.

Urano na Casa 8 - Uma curiosidade acima do normal pelo que é oculto, vida após a morte, multidimensionalidade. Também indica situações inesperadas com heranças e papéis vindos de sociedades.

Urano na Casa 9 - Essa posição de Urano mexe com a educação superior e com as viagens. Ou seja, espere formações diferentonas e viagens inesperadas, bem excêntricas.

Urano na Casa 10 - Imagine a revolução na casa do sucesso! Pois é o que Urano na Casa 10 provoca. Pode ser uma carreira excêntrica, podem ser altos e baixos na carreira, inabilidade de lidar com figuras de poder, por desejarem sempre o novo e o inusitado.

Urano na Casa 11 - Pessoas com essa posição normalmente não se dão muito bem com as tradições, e tem amigos de todos os tipos. Podem ser muito bem relacionados, ou ter dificuldade de se entregar abertamente às amizades, dependendo dos demais aspectos de Urano.

Urano na Casa 12 - Aqui, o inusitado está no inconsciente. Intuição aguçada, interesse por assuntos que elevem a mente e a vibração, e até mesmo mediunidade expansiva podem ser características evidentes.

Urano é um planeta considerado geracional, ou seja, ele fica muito tempo, cerca de 7 anos, em cada signo, isso significa que ele influencia uma geração inteira! A cada passagem por um signo, sua energia provoca grandes transformações na área social gerenciada por aquele signo e também de forma individual, na área em que aquele signo está em seu mapa astral. Quer fazer mudanças na sua vida? Conecte-se com a energia inovadora e irreverente de Urano!


Fonte da imagem: Pixabay

Plutão - O Guia das Transformações

O pequeno planeta passa cerca de 30 anos em cada signo e, por isso, influencia uma geração inteira. Mas, estando lá, tão longe, como Plutão pode ser tão influenciador das nossas transformações? Vem que eu te conto!

Plutão é o astro do sistema solar que está mais longe da Terra. Recentemente, deixou de ser reconhecido como um planeta, ao menos para a Astronomia. Entretanto, para a Astrologia, temos muito o que aprender sobre ele, e inclusive o fato dele ter sido "excluído" da categoria de planeta, fala sobre as características de profundidade e envolvimento com o oculto/invisível que ele manifesta. Plutão na astrologia é a carga de transformações invisíveis da nossa vida.

Considerado o planeta dos processos profundos, aquele que vira tudo de cabeça para baixo, trazendo reviravoltas e muito aprendizado, para os gregos, Plutão seria Hades, o deus do submundo, aquele que lida com a vida e com a morte, e que pode transitar na luz e na sombra, levando e trazendo as experiências necessárias para os grandes aprendizados de vida.

Por isso, ele simboliza também como recebemos o que é espiritual, a consciência acima da realidade terrena. Seus assuntos são as crises, os conflitos transformadores, assuntos intensos e profundos. Se olharmos bem, é na profundidade que estão as preciosidades, os recursos que podem nos tornar maiores, melhores. É ele quem nos tira da zona de conforto, bagunçando as estruturas, tirando as muletas, conscientes e inconscientes, que usamos para nos justificar.

Com Plutão, não há justificativa, há mudança. Real, dolorosa, mas libertadora. Porque tudo nessa vida precisa morrer para dar lugar a algo: nosso eu antigo precisa morrer para dar lugar a nosso eu novo; nossos hábitos ultrapassados, nossos vícios, precisam morrer para que nasçam rotinas mais saudáveis, nossa estagnação precisa morrer para que haja movimento.

Para sermos melhores, para nos tornarmos nossa versão aprimorada, é preciso trazer nossas sombras à luz, enfrentar nossos medos e vencer a luta contra nossa própria resistência ao novo. E é Plutão, com sua profundidade, que nos ensina como executar essa tarefa da forma mais incrível possível.

Plutão na Casa 1
Sua identidade é a âncora de transformação na sua vida. Mudar o corpo de cabelo, jeito de vestir, profissão e simplesmente sua forma de agir no mundo é o que transforma você.

Plutão na Casa 2
Sua forma de ganhar dinheiro é o gatilho de transformação na sua vida. O que você valoriza, e como lida com as finanças e bens transforma quem você é.

Plutão na Casa 3
Suas relações mais próximas mudam quem você é. Os livros que lê, cursos que faz, lugar que mora mudam suas ideias e quem você se torna ao longo da vida.

Plutão na Casa 4
Sua relação com a família se transforma radicalmente ao longo da vida. Pessoas com esse aspecto podem ter perdido o pai/mãe na infância. "Renascem" quando saem da casa dos pais e criam seu próprio lar. Cada mudança física e geográfica tem um impacto direto sobre sua identidade no mundo.

Plutão na Casa 5
Se transforma através das relações e paixões. Não se apegue à um único hobbie. Você nasceu para explorar suas paixões.

Plutão na Casa 6
Ter Plutão na casa 6 representa grandes transformações nas questões profissionais. A rotina e a forma de trabalhar mudam ao longo da vida.

Plutão na Casa 7
A energia transformadora na área de associações faz com que as pessoas que nasceram com esse aspecto passem por processos intensos nas suas relações amorosas. O signo que contempla irá indicar a forma como esses movimentos irão acontecer. Também representa um profundo magnetismo com o seu parceiro(a).

Plutão na Casa 8
Quem tem Plutão na casa 8 é um "investigador de si mesmo". Adora se aprofundar nas suas próprias questões. Pode vir a ser terapeuta ou simplesmente alguém que vai aprender ao longo da vida a vivenciar e transmutar suas próprias sombras.

Plutão na Casa 9
Plutão na 9 indica uma pessoa de grande intensidade. Capaz de T-U-D-O para expandir seus horizontes. Aposte em rever suas crenças e conceitos, pois isso irá transformar sua perspectiva de vida.

Plutão na Casa 10
O senhor da morte na casa do sucesso. Essa é uma pessoa que se reinventa profundamente ao longo da vida. Sua carreira "morre" para dar espaço há um novo status. É um profundo transformador da vida das pessoas, e de acordo com o signo que contempla indicará a forma como essas mudanças acontecem.

Plutão na Casa 11
Na casa das amizades, Plutão revela como um grande "varredor" de amizades. As que se sustentam no tempo, que se mantém com as "idas e vindas" da vida, serão poucas, mas extremamente profundas.

Plutão na Casa 12
Plutão nesta casa psíquica, pode representar profundos traumas e questões mal resolvidas na infância. Também aponta que quando essas "sombras" são trabalhadas, trazendo para a consciência as negações e questões do passado, há uma grande transformação na vida da pessoa. Seu inconsciente contém a chave de poder pessoal.






 

Existe bom e mau na Astrologia?

Olha, nesses anos de astrologia, já vi de tudo. Gente correndo de quem é Ariano, outros dizendo dizendo “ainda bem que não sou de Escorpião” e muitos preconceitos com os signos. Mas não somos um signo! Todos temos a roda inteira do zodíaco em nosso mapa e em todo signo há características boas e, digamos, mais difíceis. Quer ver?

Não existe “bom” e “mau” na Astrologia. Sabe esse folclore de que alguns signos são mais difíceis ou então que uma pessoa é mais cabeça dura ou impulsiva ou fechada ou seja lá o quê, porque é do signo tal? Então, a palavra é perfeita: folclore. Todo signo tem um lado luz, vibrações super altas e tudo de bom, e um lado sombra, vibrações mais baixas e características mais difíceis de se lidar.

E é tudo uma questão da combinação que temos de todos eles em nosso mapa, e de como lidamos com essas possibilidades, já o mapa astral é uma foto do potencial, talentos e padrões, que nos permite aprimorar quem somos e melhorar o que nos limita e aprisiona.

Para quem olha o mapa buscando apenas confirmar seus problemas, eu digo: o mundo já é tão cheio de drama! Para cada problema, podemos ter, no mínimo, 5 soluções. E se analisarmos o mapa astral de pessoas super bem sucedidas, e eu já fiz isso, não vamos encontrar um mar de rosas! Pelo contrário,  são mapas cheios de quadraturas e aspectos tensos, mas que foram ultrapassados, situações que foram aprendidas, obstáculos que ficaram para trás para exatamente dar lugar ao sucesso!

Todo signo tem aquele lado “treta”

Pra quem acha que só quem nasceu com o sol em Áries é briguento, ou só os Leoninos tem um ego do tamanho do Universo ou que, só quem é de Câncer guarda rancores até a próxima encarnação, eu digo: todo signo tem um lado treta. E as características dos signos podem ser usadas para o melhor ou para o pior. Vai sempre depender de quem está usando as ferramentas, ou seja, nós mesmos.

Até os piscianos e librianos tem um lado "obscuro"! Então, não se apegue à pré-conceitos.

Assim como muita gente busca na Astrologia uma confirmação de situações ruins ou de comportamentos anti sociais, as pessoas que estudam a Astrologia entendem o quanto é importante o autoconhecimento. Lembram que eu já falei aqui? Seu mapa astral é a melhor forma de se conhecer, de entender seus talentos e limites e de se aprimorar.

Se Áries é briga, também é movimento, impulsão, iniciativa. E você tem o signo de Áries em algum aspecto da sua vida, pode apostar! Da mesma forma, a profundeza de Escorpião, a minúcia de detalhes de Virgem, o apego de Touro, a necessidade de resultado de Capricórnio; a autonomia de Sagitário, a rebeldia de Aquário, a tendência à ilusão de Peixes, a superficialidade de Libra, a dualidade de Gêmeos, o ego de Leão, a necessidade de controle de Câncer. Todos eles estão aí, presentes em alguma das suas formas de pensar, sentir e agir.

Já fez seu mapa astral? Senão, clica aqui e comece a descobrir mais sobre todos os lados da sua personalidade.

Saturno - O Senhor do Karma

O planeta conhecido como grande senhor do karma nos traz os aprendizados mais sólidos da vida. Pode ser nosso grande obstáculo, mas também aquele assunto em que sairemos mais fortalecidos no final. Saiba por quê.
 

Saturno é o último planeta do sistema solar que pode ser visto a olho nu. Talvez seja por isso que esteja associado tão intimamente a limites, sendo conhecido com o "senhor do não" ou "senhor do karma". Quando Saturno está presente, a dificuldade também está, mas veja bem, é onde estão nossas maiores dificuldades que também estão nossas maiores chances de crescimento! Como Saturno demora cerca de 28 a 30 anos para realizar uma volta completa em torno do sol, esse é o tempo que ele demora para estar novamente na mesma posição em que estava quando nascemos. Por isso, chama-se essa idade de “o retorno de Saturno”.

Esse termo tem um peso e algumas pessoas chegam a temer essa grande mudança que acontece, mas eu vou te dizer: é apenas mais um ciclo, lindo, como todos os que envolvem os movimentos astrológicos. Quando Saturno dá sua primeira volta em torno do sol em nossa vida, começamos a perceber que muito do que vivemos nos primeiros 30 anos de vida estava associado a fantasias e a apegos que já não precisam mais fazer parte da vida. Para quem aproveita esse momento, tudo fica mais simples. É aí que podemos efetivamente tomar as rédeas do nosso destino, recomeçar com maturidade os processos cotidianos.

Para quem sabe aproveitar o que Saturno oferece, entender os limites que temos em nossa existência é enriquecedor. Onde Saturno está, é onde precisamos nos esforçar um pouco mais, mas, por isso mesmo, é de onde sairemos mais fortalecidos e com aprendizados mais sólidos! Talvez você tenha medo desse aprendizado, que Saturno sugere, mas é aí mesmo que a coragem precisa se fazer presente, para vencer o medo e te impulsionar. Assim como o grande senhor do Tempo, como também é conhecido o regente do signo de Capricórnio, nós também vamos ficando melhores na medida em que crescemos, amadurecemos e adquirimos sabedoria.

Saturno é conhecido como o senhor do não porque ele pode realmente significar um não em determinada área da sua vida, dependendo da casa do seu mapa em que ele estiver. Talvez você não tenha filhos, talvez não viaje, talvez não tenha muita desenvoltura no amor ou não esteja aberto, inicialmente, para aprofundar-se em conhecimentos. Mas, sabendo disso, você pode transpor esse limite e ir além! Aventurar-se naquilo que te traz mais dificuldade para encontrar sua melhor versão!

Descubra onde está Saturno no seu mapa (ainda não fez seu mapa astral? Clica aqui) e entenda onde podem estar suas maiores resistências, mas também seu maior potencial de crescimento nesta vida:

SATURNO NA CASA 1
O não está na personalidade, na dificuldade com a autoimagem e na necessidade de ter muita certeza para começar a agir.
SATURNO NA CASA 2
O não está na capacidade de ganhar dinheiro e administrar as próprias finanças e a dar-se o devido valor.
SATURNO NA CASA 3
O não está na abertura mental, na capacidade de aceitar novas ideias e na dificuldade de falar em público.
SATURNO NA CASA 4
O não está na dificuldade de aceitar envolvimentos emocionais e de doar-se, pois geralmente não houve nutrição emocional na primeira infância.
SATURNO NA CASA 5
O não está na autoestima e na necessidade de ter seu valor e sua criatividade valorizados. Também aparece na exigência com o amor e na dificuldade de lidar com a paternidade, que pode acontecer mais tarde, quando houver mais segurança em si.
SATURNO NA CASA 6
O não aparece na dificuldade de delegar e de ter rotinas mais flexíveis de trabalho.
SATURNO NA CASA 7
O não está na insegurança em seus relacionamentos estáveis e na falta de tolerância com as desilusões no amor.
SATURNO NA CASA 8
O não deste nativo está na dificuldade de lidar com as perdas e as transformações da vida.
SATURNO NA CASA 9
O não está na obtenção do conhecimento de curto prazo e na dificuldade de aceitar filosofias que não possam ser muito bem explicadas, tendendo ao ceticismo.
SATURNO NA CASA 10
O não de Saturno na 10 aparece na necessidade feroz de alcançar seu sucesso, não aceitando menos do que o melhor e dando o seu melhor, sempre.
SATURNO NA CASA 11
O não está na dificuldade da ampliação de amizades: aqui, Saturno implica em poucos amigos ou em amigos que sejam mais velhos ou sábios.
SATURNO NA CASA 12
O não aparece na necessidade de se doar. Talvez a pessoa tenha que deixar projetos seus de lado para cuidar de outro alguém.






 

 

Planetas Retrógrados

Nada no universo acontece sem a possibilidade de uma revisão. São como segundas chances de perceber o que precisa ser reorganizado para seguir em frente de forma mais confiante e assertiva. Pela astrologia, é isso que acontece em momentos de retrogradação!

Por que o universo nos proporciona momentos de revisão? Para que possamos alinhar a rota e seguir de uma forma mais assertiva! E é exatamente para isso que servem os movimentos retrógrados dos planetas! Quando dizemos que um planeta está retrógrado, significa que, do ponto de vista da Terra, ele parece estar “andando para trás” em sua órbita no céu. Embora isso seja apenas um aspecto visual, tem um significado importante na astrologia. Quando os planetas estão retrógrados, as áreas da vida e os assuntos regidos por ele acabam influenciados por essa retrogradação, ou desaceleração. É hora, portanto, de rever, reanalisar e repensar muita coisa.

Apesar de muitas pessoas temerem esses momentos, especialmente porque eles causam um certo desconforto, já que mudam a energia vigente, a verdade é que períodos de retrogradação servem para que a gente coloque a vida nos eixos e possa retomar o movimento, depois, com muito mais convicção. O universo é simplesmente perfeito e tudo acontece em sincronicidade. E quando estamos vivendo de maneira automática, quase no piloto automático, acontecem movimentos cíclicos que nos permitem um despertar. Claro, para quem está aberto e aceita que podem existir outros pontos de vista. Mas e quem já estava desperto? Para esses, os movimentos de retorgradação passam como uma brisa suave. Então, sem medo de planetas retrógrados, tudo que eles fazem é nos permitir corrigir as metas e entender o que passou, talvez, um pouco despercebido.

Quer entender o que cada planeta em movimento retrógado pode provocar?
Então aqui vai:

Mercúrio retrógrado - Mercúrio rege as comunicações e os processos mentais. Ou seja, durante seu movimento retrógrado, são esses os assuntos afetados. A parte preocupante é que as coisas podem não ser bem compreendidas e por isso é preciso redobrar o cuidado na comunicação. Evite assinar contratos, fazer acordos e comunicados importantes neste período. A parte maravilhosa é que processos do passado ressurgem para que sejam repensados e renovados, muitas vezes chegando ao fim de um ciclo. É tempo de renovação de ideias e informações! Também é excelente momento para consertar objetos danificados.
 

Marte retrógrado - Marte é o planeta da guerra e do impulso. De um lado, muita gente pode estar mais propenso a entrar em discussões por qualquer motivo, de outro, todo movimento dá uma brecada, ou seja, ficamos mais lentos e muito mais ativos internamente do que propensos a agir, e por ambas razões, podemos nos frustrar com facilidade. É hora de cuidar com a impulsividade e, ao mesmo tempo, exercitar a paciência.
 

Vênus Retrógrado - Os assuntos de Vênus entram em período de revisão: relacionamentos são colocados em xeque, bem como o que desejamos para nós, seja com relação ao amor ou ao autovalor. Amores do passado podem surgir, ou situações que farão com que se repense muito o valor das coisas e das pessoas. É preciso cuidado para não agir com rigor excessivo ou por puro capricho. E evite comprar bens de alto valor (imóveis, carro, jóias) neste período, bem como, evitar procedimentos estéticos.
 

Júpiter retrógrado - O planeta da expansão dá uma brecada durante seus processos de retrogradação, então, muita calma nessa hora. Não é que nada vai dar certo, só precisa de um pouquinho mais de estruturação. Tudo que é novo demora mais a acontecer, mas, por outro lado, esse é um ótimo momento para rever estudos e viajar somente para lugares que já conhece. Quem sabe, é daí que novas diretrizes vão aparecer!
 

Saturno retrógrado - Quando Saturno está retrógrado, tudo que diz respeito a ordem e hierarquia fica um pouco tenso. Ao mesmo tempo, também é um período rico para exercitar a disciplina, já que Saturno volta com tudo, depois, cobrando resultados e maturidade.
 

Urano retrógrado - Embora sentido de uma forma mais macro do que pessoal, o movimento retrógrado de Urano pode afetar tudo que é novo, incluindo a tecnologia, que pode dar problemas nesse período. É o melhor momento para cuidar do que você já fez, para melhorar os projetos e disciplinas que já iniciou.
 

Netuno retrógrado - Netuno também afeta de uma forma bem mais ampla e está conectado às crenças e religiões. Muitas máscaras caem durante o movimento retrógrado de Netuno, mas é preciso cuidado para avaliar muito bem toda novidade que aparecer, pois pode ser pura ilusão. Este é o melhor período para enxergar a realidade, sair dos planos e trabalhar para realizar seus sonhos!

Plutão retrógrado - O planeta da transformação, em movimento retrógrado, exige cautela nos assuntos de investimentos e tudo que lida com riscos. Mas pode ser maravilhoso para superar traumas e medos. Fique atento a insights e inspirações.

É claro que existem também as influências dos planetas que estavam retrógrados no momento em que nascemos e aparecem dessa forma em nosso mapa natal (aquele R minúsculo do lado do planeta no gráfico). Nesse caso, as questões influenciadas pelo movimento dizem respeito às nossas próprias jornadas individuais e significam que alguns assuntos precisarão de um pouquinho mais de atenção na vida. Nada que possa prejudicar nosso crescimento. Pelo contrário, tudo que está em nosso mapa serve para nos ajudar a ser nossa melhor versão. Cabe a nós aproveitar da melhor maneira cada pedacinho de ajuda que o universo nos dá.





 

Júpiter - A Estrela da Sorte

Júpiter é o maior planeta do nosso sistema solar. Não é à toa que é considerado o gigante do zodíaco e que sua influência está sempre conectada à expansão. Vou te contar um pouquinho mais sobre como esse astro incrível mexe com a nossa vida.

Júpiter é um gigante no céu. Maior planeta do nosso sistema solar, está intimamente ligado a tudo que gera expansão e crescimento, e por isso é considerado a estrela da sorte em nosso mapa astral. Onde está Júpiter, é ali que você se expande, cresce, tem facilidade em conquistar. Também ligado às longas viagens, à educação superior, à religião e à lei, Júpiter amplia as informações do Signo em que se encontra e passa cerca de 360 dias em cada um, por isso, dá o tom do ano. Estamos vivendo, por exemplo, um ano com regência de Júpiter, o que significa que estamos expandindo em muitas áreas, especialmente naquela em que temos Escorpião em nosso mapa, já que é neste signo que ele está até o dia 8 de novembro deste ano.

Júpiter também está relacionado ao otimismo e seus filhos, ou seja, aqueles que nascem sob sua regência ou sob o signo de Sagitário, têm um senso de justiça apurado, e uma predisposição à alegria e à expansão. Com Júpiter, ficamos mais propensos a aprender, mais conectados com assuntos como religião, filosofia, amor pela liberdade e pelas novas experiências. Júpiter é generoso e provoca em nós, também, essa mesma tendência de olharmos para tudo de forma mais ampla. Para entender onde está sua estrela da sorte, veja em qual casa do seu mapa está Júpiter. Um pouquinho sobre a influência do planeta em cada uma delas aqui:

Júpiter na Casa 1
Vontade de ser único, original, buscar novidades. Só é preciso cuidar para não pensar muito longe e exagerar nas suas ações e expectativas.

Júpiter na Casa 2
Grande habilidade nos negócios! Júpiter na casa do dinheiro ajuda a ampliar a prosperidade, mas também pode fazer gastar demais e sem planejamento.

Júpiter na Casa 3
Tendência ao otimismo e aos assuntos mais evoluídos. A expansão mental favorece estudos, mas só é preciso ter cuidado para que o otimismo exagerado não gere problemas.

Júpiter na Casa 4
Há algo de "sorte" que você recebe da sua família. O lar e as origens também são um lugar em que cresce e encontra segurança.

Júpiter na Casa 5
Uma mente super criativa. Quem tem júpiter na casa 5 também vive rodeado de romance. Só pode exagerar na necessidade de autoafirmação. Fique atento!

Júpiter na Casa 6
Ter o gigante na casa 6 favorece assuntos de rotina de trabalho, ampliando os horizontes e trazendo insights no dia a dia. O ideal, neste caso, é encontrar atividades em que contribua com o coletivo.

Júpiter na Casa 7
A estrela da sorte na casa das relações e parcerias? Não é perfeito? Só cuide para não sobrecarregar seu parceiro.

Júpiter na Casa 8
Quem tem júpiter na casa 8 pode ter uma grande tendência a ganhar dinheiro por herança ou por meio do trabalho com outras pessoas. Mas tem que ter muito cuidado com os detalhes, para que tudo seja feito com justiça.

Júpiter na Casa 9
Júpíter na 9 indica uma propensão a assuntos filosóficos e à busca espiritual e uma facilidade grande em ser líder e orientar outras pessoas em seus próprios caminhos.

Júpiter na Casa 10
A estrela da sorte, aqui, está na casa do sucesso. Alguém tem dúvida do quanto isso pode ser benéfico? Só é preciso ter muita responsabilidade com suas escolhas.

Júpiter na Casa 11
Na casa das amizades, traz um olhar mais amplo sobre o outro, o bem-estar do grupo e a busca de equilíbrio nas relações.

Júpiter na Casa 12
Júpiter nesta casa psíquica, favorece a introspecção e amplia a mente para o desconhecido. Mas pode representar ceticismo e falta de fé.

Como investir nos seus melhores potenciais

Todos nós temos uma mistura muito especial de talentos e potenciais. E saber quais são e onde estão essas preciosidades, bem como entender como usá-los, pode ser o caminho para o sucesso e a felicidade. Eu te mostro a melhor forma de começar essa jornada. Vem comigo!

Mesmo que você esteja vivendo um período difícil e cheio de obstáculos, acredite: você é a pessoa mais especial do mundo! Porque só você tem a sua mistura própria de talentos e potenciais que fazem de você alguém único e insubstituível para a jornada a que você se propôs. Por isso, nada de desperdiçar suas forças com o que não foi ou devia ter sido. Invista em descobrir seus talentos e construir uma nova estrada, entendendo como usar seus dons verdadeiros e como colaborar com o universo de uma forma ímpar e especial. Vou te contar um pouquinho sobre isso.

O seu Mapa Astral Natal é a foto exata do céu no momento em que você nasceu. Com ele, podemos entender sua personalidade mental (seu Sol), sua personalidade exterior (seu Ascendente), a forma como lida com sentimentos (sua Lua), seu principal aprendizado de vida (seu Nodo Norte), seu sucesso (sua Casa 10), só para citar alguns elementos que formam esse blend único de talentos e potenciais que é VOCÊ! Ao entender de onde viemos e para onde devemos ir para encontrar nosso lugar no mundo e a nossa felicidade, nos tornamos mais autores da nossa própria história, aceitamos mais nossa luz e nossa sombra (todos temos) e nos permitimos ser quem realmente desejamos ser. Não é incrível?

A parte dessa consciência sobre as muitas características que nos formam, fica mais fácil entender, por exemplo, aquilo que nos move, que podemos chamar de propósito, e que vai estar impresso em tudo que fizermos. Sim, mais do que O QUE fazemos, propósito é sobre COMO fazemos. E quando entendemos de onde vem a nossa paz e o nosso ponto de equilíbrio, fica muito mais fácil traçar um caminho que esteja em sintonia com o nosso eu interior. Já pensou que incrível realizar algo que fale diretamente ao nosso coração? Que nos faça acordar com energia, que nos tire da cama todos os dias com um sorriso no rosto? Pois ter consciência da beleza que forma nosso ser único é assim, a melhor forma de imprimir uma marca forte e preciosa no mundo, que começa dentro de nós e se expande em tudo que fazemos.

Mas, como investir nos meus melhores potenciais?

O primeiro passo é conhecê-los. E a partir daí, iniciar um caminho de amor próprio, para entender sua unicidade e de que forma você contribui para o todo. Isso gera o gás que precisamos para colocar nossos objetivos em prática. A vida é um milagre e se ela não nos parece assim, algo está fora de sintonia. Encontrar esse ponto de equilíbrio entre o que desejamos e o que nos faz realmente feliz é ouro, e conhecer seu mapa astral pode ser o primeiro passo, que vai te fazer entender porque determinadas coisas simplesmente não fazem parte da sua vida, e outras retornam em ciclos, como uma necessidade gritante de aprendizado.

Uma grande dica é: não se apresse e nem ache que seu processo está muito longe de acontecer. Ansiedade só prejudica essa jornada riquíssima que é o encontro com nosso verdadeiro eu. Cada pessoa tem seu momento de começar e seu tempo de entender os seus próprios caminhos e a forma como o universo “fala” conosco. Invista em autoconhecimento, traga luz aos seus maiores potenciais, permita-se entender quais são e como utilizá-los. E, se precisar de ajuda, estarei aqui!

 

Netuno - A Conexão com o Cosmos

O planeta da espiritualidade e da intuição pode nos dar conexão total com o cosmos, mas também pode encher nossa vida de ilusões. Daí a importância de conhecer sua influência e entender onde você precisa mais colocar os pés no chão.

Netuno, um dos planetas geracionais é o planeta que fala sobre nossa conexão com o cosmos, tem dois dons: o de nos inspirar e o de nos fazer sonhar, muitas vezes um pouco além da conta. Por isso, sempre digo, que onde está Netuno, é onde as coisas estão um pouco nebulosas. Sabe aquela paisagem de sonho, na qual as coisas estão entre brumas e a gente fica querendo decifrar? Então, é assim que Netuno atua. Ao mesmo tempo em que nos traz propósito e nos liga ao divino, pode nos encher de expectativas que, dependendo do nosso Mapa Astral, vamos ter que descobrir a melhor forma de lidar.

Regente do signo de Peixes, Netuno também fala sobre a arte e pode fazer com que tenhamos desejos de grandeza e objetivos inatingíveis na área da vida em que atua, isso porque nos faz sonhadores e idealistas demais. Não raramente, pessoas que tem influência muito forte de Netuno no mapa natal tendem a querer fugir na realidade, inclusive abusando de substâncias que as “tirem do ar”. Mas, então, como lidar? Sabendo que as expectativas e os sonhos nos movem, mas entrando na realidade do que é possível conquistar para manter os pés no chão. E é aí que entra a intuição forte que podemos ter com nosso próprio interior e com o universo, nos mostrando o caminho certo.

Veja como Netuno atua em cada casa do nosso mapa:

Netuno na casa 1 – na casa do ascendente, Netuno faz com que a pessoa se mostre muito sonhadora e idealista. É preciso cuidar para não se sentir vítima da realidade, e abrir mão da própria identidade.
 

Netuno na casa 2 – na casa das finanças, mostra um desafio no trato com o dinheiro, tanto uma dificuldade pessoal em lidar, quanto uma facilidade em ser manipulado por outras pessoas.
 

Netuno na casa 3 – a casa das comunicações, está ligado ao desafio na exposição das próprias ideias, já que adora ser espelho dos outros. Quem tem Netuno na casa 3, muitas vezes tem dificuldade de se expressar com clareza, preferindo fazer isso por meio da arte. Mas também tem um intuição mental apurada e muita criatividade.
 

Netuno na casa 4 – casa do lar, da família, da mãe. Se trata de uma certa dificuldade em se conectar e ver com clareza suas origens. É confrontante lidar com as dificuldades de acontecimentos passados, como traumas e bloqueios.
 

Netuno na casa 5 – a casa dos encontros e da criatividade com Netuno pode levar a pessoa a se doar demais e, ao mesmo tempo evitar que a pessoa se solte para simplesmente curtir o lado bom da vida. Há uma tendência a amores platônicos e exagerados, quase teatrais.
 

Netuno na casa 6 – na casa da rotina de trabalho e saúde, fala sobre a sensação de que tudo é muito sofrido e entediante. O desafio é criar uma estrutura sólida na sua rotina.
 

Netuno na casa 7 – aqui, o problema é idealizar o parceiro, já que a casa 7 é das nossas associações, especialmente o casamento. O sofrimento pode vir da expectativa exagerada e não da ação da outra pessoa. O grande aprendizado é aceitar as pessoas como elas são.
 

Netuno na casa 8 – a casa das transformações e da sexualidade pode ser um enigma para quem tem Netuno nessa posição. Há uma tendência ao conhecimento oculto e ao sobrenatural.
 

Netuno na casa 9 – a casa das filosofias com Netuno pode indicar alguém com uma crença exagerada em algo ou alguém. Há uma tendência em fantasiar o futuro, deixando de perceber o lado mais prático das situações no momento presente.
 

Netuno na casa 10 – na casa da carreira, fala sobre a dificuldade de ter uma ideia clara de futuro e do que exatamente fazer como profissão. Não que você precise ter isso planejado, há algo interessante quando a pessoa com essa posição se permite seguir sua intuição. Seu futuro se apresenta aos poucos...
 

Netuno na casa 11 – ser iludido é bem comum para quem tem Netuno na casa das amizades. Há uma tendência a se envolver com pessoas mais difíceis, por exemplo, e não enxergar as pessoas como elas realmente são.

Netuno na casa 12 – na casa da espiritualidade, Netuno está onde gosta. Resultado: uma sensibilidade exagerada às energias externas, incluindo dos ambientes.